terça-feira, 14 de junho de 2011

Carta aberta ao prefeito de São Paulo

Por favor se comentar deixe um email para contato.

Prezado Exmo. Sr. Gilberto Kassab,

Ontem faleceu Antonio Bertolucci, atropelado por um ônibus de turismo na alça de acesso da Av.Sumaré. Ele era presidente do Conselho de Administração do Grupo Lorenzetti. Ele não é o primeiro nem o último, bem como também não será o único caso que fica sem a devida atenção das autoridades.

Não é mais possível ignorar que a cidade de São Paulo tem 250.000 ciclistas. Eu sou um ciclista urbano desde fevereiro de 2010 e percorro o trajeto da minha casa até meu trabalho, num total de 16 quilômetros diários. O tempo que levo para fazer meu trajeto é bem inferior se eu o fizesse de carro, além de contribuir para uma menor emissão de gases do efeito estufa. Está na hora das nossas cidades estimularem esse meio de transporte para melhorar a qualidade do ar e da vida.

Ciclista atropelado por ônibus é um fato muito comum nas cidades. A culpa é a não educação dos motoristas, principalmente de ônibus e de táxis, que tiram fina dos ciclistas, buzinam e os perseguem. Desconhecem completamente a lei que exige uma distândia de 1,5 metro das bicicletas. Os ciclistas, por sua vez, na ausência de vias adequadas para eles, precisam ser bem orientados e há grupos que podem ajudar a prefeitura a fazer isso.

Bom lembrar que ônibus e táxis são responsabilidade da prefeitura e pelo menos deveriam receber a orientação de manter a distância exigida por lei de 1,5 metro das bicicletas.

Os ciclistas precisam ser avisados, enquanto as autoridades não tomam uma atitude e nem adotam uma política pró-ciclismo urbano, a se manterem distantes dos ônibus. Foi a primeira orientação que eu recebi do cicloativista Leandro Valverdes. Já me ocorreu de ser perseguido a troco do nada por motoristas de ônibus e de táxi. Finas de automóveis particulares também são comuns, embora eu trafegue pelas bordas.

Peço por gentileza uma audiência com o prefeito, para que nosso grupo possa conversar e obter um diálogo para encontrarmos a solução desse problema tão grave.

Enviei esse mesmo texto no "Fale com o prefeito" do site da prefeitura. Gostaria que mais pessoas tentassem esse contato com o prefeito Gilberto Kassab. A morte de Antonio Bertolucci é um alerta e não pode ficar em vão.

Atenciosamente,

Hugo Penteado

Nenhum comentário: